Dicas para começar a pedalar.

Se você pensa em começar a pedalar e iniciar sua jornada em cima da bike mas ainda não tem certeza de como fazer isso, esse texto é para você.

Com o intuito de evitar que você tenha probleminhas comuns a quem está começando a pedalar agora, preparamos algumas dicas para que você encare o desafio sem muitas surpresas e da forma mais suave possível, afinal, andar de bike é para ser algo prazeroso e divertido.

Vamos falar basicamente sobre o kit completo para começar a encarar o asfalto, incluindo roupas adequadas, nutrição apropriada, técnicas e outros.

Qualquer que seja a forma que deseja começar a andar de bike, seja no mountain bike, na estrada ou simplesmente na rua para se locomover de um local ao outro, é muito provável que você encontre aqui alguma dica que possa te ajudar. De ideias de roupas para vestir à maneira adequada de fazer a manutenção da sua bicicleta, a gente tem um pouco de tudo e, claro, guardamos o mais importante para o final!

como começar a pedalar

Roupas para pedalar

Vamos começar com o que vestir. Claro que existem mil e uma possibilidades de roupas específicas para o ciclismo que podem variar na qualidade e no preço – além de cores, tecidos, marcas entre outros. Comecemos pelo básico:

  • Bermudas com gel:

Até o banco mais confortável do mundo não vai dar conta da dor que você pode sentir no bumbum por conta das longas pedaladas. Agora, se você quiser ficar o mais confortável possível, o ideal é que você use bermudas de ciclismo apropriadas para isso. Normalmente, elas têm uma almofada de gel na região em que você mais sente impacto enquanto pedala, o que facilita bastante a sua vida. Seu bumbum agradece.

  • Use um capacete:

A gente sabe que nem sempre fica bonito, mas usar um capacete é mais do que uma necessidade quando se anda de bicicleta. Por menor que seja a sua pedalada, o uso deste pode te ajudar bastante em caso de algum acidente no meio do caminho, além de garantir a sua segurança. Se você tiver cabelos longos, pode ficar até fashion, vai.

  • Não se esqueça dos itens necessários de segurança:

Se você for pedalar na cidade, pelo código de trânsito brasileiro, para que você possa pedalar livremente e prevenir acidentes, alguns itens são necessários. Não se esqueça de equipar sua bike com uma campainha para alertar pedestres e motoristas de que você está passando; Sinalização nas laterais, dianteira e traseira da bicicleta, caso você vá pedalar à noite; Espelho retrovisor, para que você consiga ver os carros vindo em sua direção ou para fazer uma travessia.

Atenção Mountain Bikers: Se essa é a modalidade de sua escolha, não se esqueça de usar um par de luvas decente e uma boa joelheira.

Manutenção da sua bike

Agora que você está vestindo algo confortável, vamos seguir para a etapa de manter sua bike feliz e inteirinha para que toda a sua pedalada seja, de fato, uma alegria.

Você não precisa de um mundo de ferramentas e acessórios para isso e, para falar a verdade, nem de muita habilidade. Então, pode ficar tranquilo:

  • Limpe e passe óleo na sua corrente com frequência, principalmente se você for pedalar debaixo de chuva:

Com isso você elimina aquele barulho desagradável de corrente seca – ninguém merece aquele nhec, nhec –  e vai precisar fazer menos esforço para que sua bike funcione na velocidade e da maneira que você quer.

  • Cheque a pressão do seu pneu:

Quando for comprar sua bike, não se esqueça de perguntar ou checar onde você pode encontrar a informação da pressão adequada para o pneu da bicicleta em questão.

  • Aprenda a fazer reparos básicos em sua bicicleta:

Procure levar um kit com você, caso fure um pneu. Se você estiver longe de casa e ouvir aquele barulho de pneu furado, você certamente vai ficar bem agradecido de ter aprendido a consertar isso sozinho.

Bebidas e comidas:

A gente sabe que a bike não precisa de combustível, mas você com toda a certeza precisa. Aqui você encontra algumas opções. Tem quem escolha a suplementação esportiva, por ser uma forma mais rápida e prática de colocar para dentro os nutrientes para a pedalada, mas suplementos não são 100% necessários, principalmente se você não for pedalar por longas distâncias.

  1.       Mantenha-se hidratado:

Claro que isso é básico. Quer você prefira uma garrafa de água quer prefira uma mochila de hidratação, leve sempre para a sua pedalada uma quantidade razoável de fluídos para quando você estiver perdendo muita água – através do suor – ou quando estiver morrendo de sede por conta do esforço físico que está fazendo. Lembre-se, porém, de não exagerar, já que muita água pode deixar seu estômago pesado ou fazer com que você tenha aquela vontade doida de ir ao banheiro muito mais frequentemente do que você gostaria.

  1.       Evite aquela fadiga que aparece quando seu corpo fica sem combustível:

Seu corpo carrega cerca de até 90 minutos de estoque de glicogênio para esforços físicos antes de precisar ser abastecido, do contrário passa a consumir sua própria gordura. Apesar de parecer uma ótima ideia, quando seu corpo está usando sua gordura como fonte de energia você definitivamente não tem a mesma disposição para fazer exercícios na intensidade que uma pedalada requer. O ideal é que você consuma algumas calorias de 30 em 30 minutos. A forma mais fácil de fazer isso? Géis energéticos (que, aliás, você encontra de todos os tipos e preços no site da Corpo Perfeito. Quer dar uma olhada? Clique aqui que a gente te leva lá).

  1.       Cãibras são uma reclamação comum quando se começa a pedalar mais do que o corpo está acostumado:

Uma boa dica para prevenir que seu corpo fique sem eletrólitos (os quais você perde através do suor) é consumir bebidas energéticas ou isotônicos – também chamadas de energy drinks – (clique aqui para ver os diferentes energy drinks que o site da Corpo Perfeito tem para você).

  1.       Uma bebida de recuperação depois de uma longa pedalada pode te ajudar BASTANTE nos dias que virão:

A chave aqui está na proteína. Procure consumir algum shake de proteína (whey protein, proteína da carne e bebidas proteicas em geral são excelentes opções) em até 30 minutos após sua pedalada. Isso vai ajudar na recuperação das suas fibras musculares e prevenir possíveis dores resultantes do esforço físico.

Quer ler mais sobre alimentação pós-treino? Clique aqui.

Técnicas para começar a pedalar

Há bastante debate sobre a  forma “correta” de pedalar, isso é verdade. Ainda assim, existem algumas dicas que são difíceis de contestar:

  1.       Acerte direitinho a posição que for pedalar:

Ter uma bike do tamanho certo, com o banco adequado e na altura certa e guidões adequados para você vão impedir que você sinta muitas dores e tornar sua pedalada um momento confortável. Pedalar em posições que doam suas costas, braços e mãos só vai te fazer sofrer e adicionar pouquíssimo prazer à sua jornada.

  1.       Tente manter um ritmo estável:

Se você estiver pedalando em uma marcha muito pesada, você vai precisar de mais força e seu ritmo vai diminuir. Se você estiver pedalando em uma marcha muito leve, provavelmente terá que pedalar mais para sair do lugar. É importante sentir o terreno em que se está pedalando para que se consiga manter um ritmo, seja no plano, em uma subida ou em uma descida.

Quer ler mais dicas sobre como pedalar melhor? Clique aqui. 

  1.       Encontre uns amigos para ir pedalar com você:

Você pode se juntar aos grupos de pedal (existem vários espalhados pelo Brasil), pode convencer seus amigos mais próximos a irem pedalar com você ou até simplesmente se juntar a desconhecidos. Não há regras, mas pedalar com companhia de alguém é sempre mais legal e dá uma motivação extra poder compartilhar as dores e as alegrias.

  1.       Dê um sorrisinho para nós:

Andar de bicicleta é para ser divertido. Além de ser um esporte incrível, se você for pedalar por aí vai começar a achar as coisas mais bonitas ao seu redor. Se for pedalar em uma rua que sempre passa de carro, vai até notar coisas que nunca viu antes. Isso sem mencionar a dose de endorfina que você vai ganhar de brinde – o que provavelmente vai te dar bastante ânimo. Não existe a melhor bicicleta ou o melhor momento para pedalar: o momento perfeito é aquele em que você está pedalando feliz.

Faça seu comentário

*Preencha os campos corretamente