Hipertrofia? Conquiste os músculos desejados

Um dos objetivos de quem entra na academia é conquistar músculos. Sabemos que para isso acontecer, é preciso uma combinação de vários fatores, incluindo uma boa noite de sono, alimentação adequada e muita qualidade na realização dos exercícios. Mas, existe outro termo que na maioria das vezes às pessoas escutam e não sabem o verdadeiro significado, estamos falando da hipertrofia. Afinal, você sabe o que é hipertrofia?

Hipertrofia para os músculos

Hipertrofia? Como entender!

A hipertrofia muscular consiste no aumento do músculo. Parece simples de entender, mas neste caso, vamos explicar com mais detalhes como ocorre à hipertrofia no corpo e sua importância para o crescimento da massa corporal magra.

Quando uma pessoa realiza exercícios de alta intensidade, principalmente na musculação, ela começa a aumentar a tensão no músculo, este por sinal, sofre microlesões. Os músculos lesionados precisam de repouso para repor as fibras perdidas, e esta reposição acontece no período em que não estamos treinando, inclusive na hora de dormir.

A hipertrofia muscular consiste basicamente em forçar o músculo com exercícios de resistência, para que as fibras musculares se fundam e, assim, possam surgir novas proteínas para o corpo. As proteínas vão trabalhar como repositoras de energia e atuantes diretas no crescimento da massa.

Qual a melhor forma de obter hipertrofia?

Existem duas formas de fazer com que o nosso corpo realize hipertrofia muscular: metabólico e tensional.

O metabólico provoca um estresse bioquímico nas células musculares. Aqui o crescimento do músculo vai acontecer dentro das células que aumentará seu citoplasma. Só para lembrar, o citoplasma abriga algumas substâncias importantes para o crescimento, inclusive as proteínas e os lipídios.

Para realizar esse processo, sugerimos que você faça repetições maiores, entre 8 a 12, com cargas altas e intervalo menor entre as séries.

Já o tensional, como o próprio nome já diz, provoca tensões nos músculos, e aqui, as tensões devem ser altíssimas. Você precisa treinar com muita intensidade e muito peso! Caso você precise de um suplemento capaz de fornecer muita energia para o corpo, clique aqui.

Nesse estimulo provocamos um estresse muito forte nos músculos que resulta em uma alta degradação proteica. Durante seu descanso, o músculo se recupera, aumenta de tamanho e também as quantidades de miofibrilas que formam as fibras musculares.

Sugerimos repetições baixas, de 4 a 6, porém com cargas elevadas, e os intervalos entre às séries devem ser maiores, de 90 segundos a 2 minutos.

Algum suplemento é indicado para acelerar esses processos?

Se pararmos para pensar, todos os suplementos são responsáveis por auxiliar na conquista do corpo perfeito, inclusive as proteínas (Whey Protein) e os aminoácidos (BCAAs). Mas existe um suplemento que pode ser mais eficiente, quando o assunto é hipertrofia. Os suplementos compostos por substâncias que induzem a produção natural de testosterona!

A testosterona é um hormônio extremamente importante no crescimento e reparo muscular. Ela tem habilidade de aumentar a síntese de proteína, inibir o catabolismo, ativar as células satélites e estimular a ação de outros hormônios. Resumindo, a testosterona funciona como um multiplicador dos processos que causam hipertrofia muscular.

No Corpo Perfeito, você encontra vários suplementos alimentares com alta taxa de testosterona. Clique para conferir!

Os dois tipos de hipertrofia são importantes para o corpo, por isso é importante renovar o seu treino. Não esqueça também da alimentação, que deve rica em macronutrientes.

Agora que você já sabe o que é hipertrofia, peça para o seu instrutor ou personal, montar um plano em cima desses estímulos para o seu corpo.

E claro, consuma suplementos alimentares!

Faça seu comentário

*Preencha os campos corretamente